LER - Leitura e Escrita: Recursos
LER - Leitura e Escrita: Recursos
Histórias ao alcance de quem começa a ler

Está demonstrado que, na primeira fase da aprendizagem formal, é muito benéfico proporcionar às crianças momentos de leitura individual de livros que se encontrem ao alcance delas – obras que possam ser lidas na íntegra e lhes deem satisfação, narrativas curtas e compreensíveis, textos com frases simples e com palavras que incluam grafemas-fonemas já dominados.

Quando as crianças começam a aprender a ler, é frequente terem vontade de pegar em livros e tentar compreender sozinhas os textos sem o apoio dos adultos. Acontece que no mercado português não existem ainda livros adequados a leitura autónoma nesta fase inicial da aprendizagem o que pode provocar sensação de desânimo e perda da motivação anteriormente estimulada e adquirida na família e na educação pré-escolar.

O PNL2027 e o EDULOG, com o propósito de obviar esta lacuna, produziram três livros digitais, concebidos de forma a corresponder aos desejáveis progressos de leitura dos alunos do 1.º ano de escolaridade.

Os três livros agora publicados na Plataforma LER oferecem histórias completas. Contudo, estes livros, e é essa a sua originalidade e mais-valia, incluem apenas palavras compostas por conjuntos de grafemas-fonemas que as crianças, em três patamares do seu percurso, já aprenderam nas aulas.

As divertidas histórias agora divulgadas são da autoria de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, com ilustração de Nuno Feijão. A informação e revisão pedagógicas ficaram a cargo de Fernanda Leopoldina Viana e Iolanda Ribeiro, reconhecidas investigadoras da Universidade do Minho.

   
 Histórias Inovadoras
 
 
  
 
O Plano 21|23 Escola+, lançado em junho de 2021, centra a sua ação na apresentação de medidas que se alicerçam em estratégias educativas dirigidas à promoção do sucesso escolar e que visam a recuperação das aprendizagens dos alunos do Ensino Básico e Secundário.

No sentido de continuar a colaborar numa efetiva melhoria das aprendizagens, o PNL2027 divulga e sublinha a relevância da Plataforma LER, uma ferramenta que aposta na divulgação regular de informação científica e recomendações úteis para o ensino da leitura e da escrita, e difunde exemplos de práticas pedagógicas fundamentadas.
 

 

 

 

Durante o mês de maio de 2021 foram realizadas 6 Ações de Curta Duração em 6 Centros de Formação de Professores, cada uma com a duração de 3 horas nas quais se deu a conhecer a Plataforma LER, a sua organização e conteúdos. Participaram nestas ações 324 docentes: educadores, professores do 1.º ciclo, professores de português do 2.º ciclo e professores de educação especial.
 
 
No âmbito da implementação da fase piloto de monitorização da plataforma, decorreu de outubro a dezembro de 2020 uma oficina de formação com docentes convidados de 4 Agrupamentos de Escolas de Braga.

A Plataforma LER - Leitura e Escrita: Recursos, iniciada em 2017 e desenvolvida pelo PNL2027 com o apoio financeiro e técnico-científico da Fundação Belmiro de Azevedo – EDULOG, tem o propósito de oferecer a todos os responsáveis pelo ensino da leitura e da escrita, informação científica e recursos sobre esta tão importante área transversal a todo o saber.

Trata-se de disponibilizar, de forma sintética e sistematizada, o produto do trabalho realizado por uma equipa multidisciplinar de investigadores nas áreas da educação e da psicolinguística de modo a permitir compreender melhor a forma como as crianças aprendem a ler e a escrever e, assim, tomar decisões conscientes sobre as metodologias e abordagens pedagógicas mais eficazes.

  

Plataforma LER

 LER - Leitura e Escrita: Recursos

 

A apresentação pública da Plataforma teve lugar no dia 22 de setembro e contou com as intervenções de João Costa, Secretário de Estado Adjunto e da Educação, Isabel Alçada, Representante do Conselho Consultivo do EDULOG, Teresa Calçada, Comissária do PNL2027, e Isabel Leite, Consultora do Projeto LER.

Na sessão, moderada pela jornalista Bárbara Wong, a equipa de investigadores, constituída por Iolanda Ribeiro e Fernanda Leopoldina Viana (Universidade do Minho), Ana Paula Vale (Universidade de Trás-os-Montes), São Luís Castro e Rui Alves (Universidade do Porto), Alexandra Reis e Luís Faísca (Universidade do Algarve), Tânia Fernandes (Universidade de Lisboa) e José Morais (Universidade Livre de Bruxelas), na qualidade de coordenador científico deste trabalho colaborativo, fez uma breve apresentação dos recursos disponíveis.

  

 

Para mais informações contactar luisa.dinis@pnl2027.gov.pt.

 

  

ENTRELER
Revista digital, anual, livre e gratuita, sobre leitura, escrita e literacias.