Página Inicial > Ações > Eventos > Práticas de Leitura no EB e ES

Práticas de Leitura no EB e ES
Práticas de Leitura no EB e ES
Transmissão em linha
30 setembro, 15h.
Os resultados da primeira parte do estudo Práticas de Leitura dos Estudantes dos Ensinos Básico e Secundário foram apresentados no dia 30 de setembro, pelas 15h00, no ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, com transmissão em linha.

Consulte a apresentação do estudo aqui.
 

O objetivo deste estudo é analisar a evolução das práticas de leitura dos alunos portugueses, atualizando o conhecimento disponível sobre o tema, nomeadamente sobre os novos quadros e contextos de desenvolvimento da leitura, resultantes da crescente expansão dos suportes digitais.
A investigação resultou de uma parceria entre o Plano Nacional de Leitura 2017-2027 (PNL2027) e o Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-Iscte), sob coordenação científica de João Trocado da Mata e José Soares Neves e consultoria de Isabel Alçada. Teve, ainda, o apoio da Direção-Geral de Estatísticas da Educação e Ciência (DGEEC), da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) e o patrocínio da McDonald’s.
O trabalho realizado incidiu no 3.º ciclo do ensino Básico e no ensino Secundário, prevendo-se a sua retoma no próximo ano letivo para o 1.º e 2.º ciclos. Uma vez concluído, ter-se-á conseguido atualizar a publicação de Lages, Mário F., Carlos Liz, João H. C. António e Tânia Sofia Correia, Os Estudantes e a Leitura, de 2007, cumprindo um dos compromissos do PNL2027.


Registo fotográfico do evento 

Apresentação dos resultados do estudo, Práticas de Leitura dos Estudantes dos Ensinos Básico e Secundário

 

 

Este estudo despertou o interesse de várias publicações nos órgãos de comunicação social:


 

Família influencia relação com a leitura

Os alunos do terceiro ciclo e do ensino secundário leem cada vez menos é conclusão de um estudo do Plano Nacional de leitura e do ISCTE, que sublinha a influência da família nos hábitos de leitura.

 

 

Alunos gostam menos de ler. Alargamento da escolaridade obrigatória será uma das razões

In Público, 01-10-2020

 

Jovens portugueses leem cada vez menos e hábitos das famílias influenciam

Em 2019, a maioria dos 7.469 alunos inquiridos num estudo do Plano Nacional de Leitura e do ISCTE admitiu ter lido menos de três livros por prazer nos 12 meses anteriores ao inquérito. Os alunos do 3.

In Observador Online, 30-09-2020

 

Jovens portugueses leem cada vez menos e hábitos das famílias influenciam, revela estudo

Maioria dos 7.469 alunos inquiridos admitiu ter lido menos de três livros por prazer nos 12 meses anteriores ao inquérito. Os alunos do 3.º ciclo e ensino secundário leem cada vez menos, segundo um estudo do Plano Nacional de Leitura e do ISCTE divulgado esta quarta-feira e que aponta para a influência da família nos hábitos de leitura.

In Correio da Manhã Online, 30-09-2020

 

Jovens portugueses leem cada vez menos e hábitos das famílias influenciam

Os alunos do 3.

In Visão Online, 30-09-2020

 

Mais de 70% dos alunos do básico e secundário não leem livros por prazer: e parte da explicação está na família

O efeito da queda da relação dos adultos com os livros já se nota nas gerações mais novas. Relação dos familiares com os livros, alargamento da escolaridade obrigatória e utilização "sem precedentes" da tecnologia explicam quebra dos hábitos de leitura Para que um jovem estudante queira dedicar tempo à leitura, a relação da família com os livros é fundamental.

In Expresso Online, 30-09-2020

 

logos